Relações Ecológicas
 
 
Cenário
Tarefa
Produto
 
  PRODUTO  
 

Percebemos por meio das pesquisas que existem duas situações: uma, em que há prejuízo para um ser vivo e outra, quando não há prejuízo.

 Quando os seres vivos se relacionam causando prejuízo para um dos participantes, chamamos este convívio de relação desarmônica; no convívio em que nenhum ser vivo sai prejudicado, chamamos de relação harmônica. Vale lembrar que as relações desarmônicas também colabora para o equilíbrio da natureza, pois realizam um importante papel no controle das populações.Quando indivíduos de uma mesma espécie vivem reunidos, cooperando uns com os outros, tendo divisão de trabalho, dizemos que vivem em sociedade.

As abelhas, por exemplo, vivem em sociedade. As operárias fazem a maior parte do trabalho: colhem o néctar, alimentam as larvas, produzem o mel. As rainhas têm a principal função de gerar novas abelhas, enquanto o zangão, depois de fecundar a rainha, morre. Organizando-se dessa maneira, as abelhas garantem uma melhor chance de sobrevivência do que se vivessem todas separadas.Agindo conforme a divisão de trabalho, a sociedade se mantém, pois o trabalho acaba sendo mais produtivo no futuro. Muitos insetos vivem em sociedade; devido a isso, eles recebem o nome de insetos sociais. Como exemplos, as vespas, os cupins, entre outros.

O que é viver em sociedade para você? Como se organiza  a sociedade humana?Os mamíferos não vivem de forma tão organizada quanto os insetos, entretanto muitos vivem em sociedade. Os seres humanos, macacos e suricatos são exemplos de mamíferos sociais.

 



 
       
       
 
Aventura na Web criada por Juliana Diniz Toledo de Moraes com